Confira os destaques do ”Profissão Repórter” desta terça-feira (31/03/2015)

O médico espanhol Abraham Alba Garcia saiu de Valência para trabalhar em Manaus há um ano e meio. Nesse tempo, acompanhou o nascimento de 80 bebês. O posto de saúde do bairro Buritis atendia três mil pessoas. O repórter Thiago Jock mostrou que, por causa das novas invasões de terra, a população local dobrou e o trabalho de Abraham também.

O repórter Victor Ferreira esteve em Serra do Ramalho, na Bahia, onde hoje trabalham oito médicos cubanos. A mortalidade infantil caiu 56% desde a chegada dos médicos, mas ainda há problemas. A população reclama da falta de medicamentos.

Este ano, os médicos brasileiros vão ocupar  85% das vagas do programa Mais Médicos. No começo, em 2013, eram 10%.

O repórter Guilherme Belarmino registrou a chegada da primeira médica brasileira a cidade de Cametá, no Pará.  O novo local de trabalho da médica Taísa Neville fica a seis horas de viagem por terra e água de Belém. As ilhas que pertencem ao município de Limoeiro do Ajuru, a uma hora de Cametá, não conseguiram preencher as quatro vagas abertas para os médicos.

HJ NA TV

Curta/Siga:

ACSMTV LOGO FACE

ACSMTV LOGO TWI

Anúncios

Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: